Arquivos Mensais: Dezembro 2010

Fim de ano…

“Quem me acode à cabeça e ao coração Neste fim de ano, entre alegria e dor? Que sonho, que mistério, que oração? Amor.” . Carlos Drummond de Andrade . Este poema, que diz tanto do que sinto nesta época do … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | 12 Comentários

Se eu pudesse…

Se eu pudesse era assim que me apetecia hoje… não, trincar a terra toda como o Caeiro, mas rebolar nela sem medo ou frio sujar-me na terra húmida e polvilhar-me de areia mergulhar num lago quieto ou perfurar as ondas … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | 8 Comentários

26 anos depois, Parabéns Filipa!

Do diálogo silencioso que se não explica… Vinte e seis anos depois…  …não há palavras, hoje, nesta minha comoção de ser mãe! .

Publicado em Uncategorized | 14 Comentários

NATAL!

No ponteado luminoso da noite, desdobram-se as sombras das ruelas. É a zona velha da cidade, encabeçada pelo brilho de um castelo aceso. Depois delas, toda a cidade se estende no frio de Dezembro, sob uma névoa, como se de … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | 14 Comentários

Reflectir para mudar

Peguei neste livro… um dos que me marcou a minha adolescência e que guardo e revisito em diferentes fases da vida. Na primeira folha, a lápis, junto à assinatura de “posse”, ainda com uma letra que associo aos meus 15 ou … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , | 15 Comentários

Às Pedras me lanço…

Às pedras me lanço… perenes?   Transformadas pelo vento mar chuva rios, pelas lágrimas do mundo ou vento uivante, às pedras me lanço…   acaricio-lhes curvas saliências, contornos quebras, fendas   acaricio a quem aparentemente perene se defende…   morte … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | 6 Comentários

“Paga o justo pelo pecador”

“Brincamos com forças obscuras que não podem ser capturadas com os nomes que lhes damos, como crianças brincando com o fogo, e por um momento é como se toda  a energia tivesse permanecido dormente na totalidade dos objectos até agora, … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | 2 Comentários